Notas sobre a pandemia (24)

O Brasil mais parece um hospital de campanha no qual faltam respiradores para uma paciente chamada democracia. Entravado, o governo prefere o palanque ao arranque. A estagnação só não chega ao número de mortos, que cresce sem parar. Enquanto isso, assistimos a tudo presos em casa. Não acho que vamos cair numa ditadura, pois o País é suficientemente maduro para rechaçar um novo Maduro. Mas toda essa barafunda é muito desgastante. Já basta a ansiedade provocada pelo medo da infecção. Para escapar a ela, existem recursos como usar máscara e lavar as mãos. Mas como se livrar dos desacertos políticos? É impressionante o empenho com que se conclama a nação a tomar partido no embate entre os Poderes. Tal esforço é inversamente proporcional ao cuidado com os que sofrem ou agonizam nos hospitais. Quando tudo isso passar, saberemos quem de fato se envolveu com a pandemia e quem a ignorou (às vezes, com ironia e desfaçatez, fazendo marolas no lago Paranoá). As urnas serão o lugar de dar a resposta.

Publicado por Chico Viana

Chico Viana (Francisco José Gomes Correia) é professor aposentado da UFPB e doutor em Teoria da Literatura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro. Em sua tese, publicada com o título de O evangelho da podridão; culpa e melancolia em Augusto dos Anjos, aborda a obra do paraibano com o apoio da psicanálise. Orientou cerca de 37 trabalhos acadêmicos, entre iniciação científica, mestrado e doutorado, e foi por dez anos pesquisador do Conselho Nacional de Pesquisa (CNPq). Desde muito jovem começou a escrever nos jornais de João Pessoa, havendo mantido coluna semanal em A União e O Norte. Publicou cinco livros de crônicas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: