Segundo Millôr, o que fazemos não pode ser apagado. Quando tentamos apagar, cometemos umas rasuras que terminam nos comprometendo mais. A emenda sempre é pior do que o soneto. Assim é a vida… Tudo fica registrado, sobretudo as falhas, os enganos, as mancadas que por inexperiência ou imperícia vimos a cometer. Mas esse aforismo tambémContinuar lendo